Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

ONVIF beneficia investigações criminais

formato de arquivo de exportação ONVIF

Loading

Nos últimos meses, o fórum global ONVIF destacou alguns dos novos candidatos à versão de perfil, como Perfil M e Perfil D, bem como o ONVIF GitHub para desenvolvimento de código aberto. Em meio a estas decisões, outro assunto em alta é o formato de arquivo de exportação ONVIF.

Esta especificação padronizará um formato comum, através do qual os arquivos de vídeo serão exportados, garantindo compatibilidade, independentemente da origem. Isso é significativo para as policiais, investigadores e equipes de segurança corporativa, pois permite que conduzam investigações forenses com mais eficiência usando a vigilância por vídeo de várias fontes – privadas ou públicas – independentemente do formato de vídeo em que o vídeo foi originalmente gravado.

Este formato de exportação da ONVIF funciona não apenas padronizando a exportação, mas também fornece um reprodutor de vídeo onde o clipe pode ser reproduzido. Ele dará informações úteis sobre os metadados exportados (por exemplo, equipamento de gravação usado, hora de criação do arquivo de exportação e nome do operador), bem como permitirá que o arquivo de vídeo seja assinado digitalmente para garantir a sua validade jurídica.

O formato de arquivo de exportação já recebeu um aceno na comunidade global de padronização, com seu endosso pela International Electrotechnical Commission (IEC 62676-2-32: 2019), e continua em evolução.

Picture of Fernando Gaio

Fernando Gaio

Canal de notícias e negócios especializado em Segurança Eletrônica e Segurança da Informação.

Compartilhe este artigo

Veja também