Pesquisar
Pesquisar
Close this search box.

Ponte aérea Rio-SP ganha sistema de reconhecimento facial

AeroportoDeCongonhas-biometria-securitybusiness

Loading

O Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, terá a primeira Ponte Aérea Biométrica do mundo. O Embarque + Seguro 100% Digital, com uso de reconhecimento facial, será integrado à ponte aérea São Paulo-Rio de Janeiro, no dia 15. O Aeroporto de Congonhas (SP) fará os testes para embarques com destino ao Aeroporto Santos Dumont (RJ), e vice-versa, se tornando a primeira ponte aérea do mundo a usar a tecnologia de ponta a ponta.

O projeto, idealizado pelo Ministério da Infraestrutura (MInfra) e desenvolvido pelo Serpro, empresa de tecnologia do Governo Federal, faz os testes com passageiros voluntários da Azul Linhas Aéreas, que serão convidados a experimentar a tecnologia. Entre as empresas participantes do projeto estão Idemia e Digicon

No momento do check-in no aeroporto, o passageiro recebe uma mensagem, no celular, solicitando autorização para o registro de uma foto. Com o consentimento, o atendente da companhia aérea realiza a validação biométrica do passageiro para reconhecimento facial, comparando os dados e a foto, tirada na hora, com as bases governamentais.

A partir da validação, o passageiro fica liberado para ingressar na sala de embarque e na aeronave passando pelos pontos de controle biométricos, que fazem a identificação por meio de câmeras, sem a necessidade de apresentar documento e cartão de embarque.

É a primeira vez que o aeroporto de Congonhas testa essa solução. O projeto, que utiliza a biometria facial na aviação já havia sido implantada nos aeroportos de Florianópolis, de Salvador além do próprio Santos Dumont. 

 

 

 

Picture of Eduardo Boni

Eduardo Boni

Jornalista e Diretor de Conteúdo do Portal Security Business

Compartilhe este artigo

Veja também